Seu filho 5-11 anos

Tablets, smartphones ... Eles adoram!


O Observatório Orange-Terrafemina analisou o uso de tablets digitais e outros smartphones por crianças menores de 12 anos. Não é de surpreender que eles sejam cada vez mais habilidosos com essas ferramentas, mais cedo e mais cedo, e seus pais a vivenciem bastante bem.

A geração futura será imbatível com ferramentas digitais? Para acreditar nos resultados do Observatório Orange-Terrafemina, é preciso. De fato, dois terços das residências estão equipadas com smartphones e quase um terço dos tablets digitais e crianças menores de 12 anos já estão muito confortáveis ​​com essas ferramentas:

  • 30% usam o tablet com frequência dos pais e usá-lo quase tão bem quanto os adultos e 41% sabem como "usá-lo suficientemente bem".
  • O mesmo para o smartphone da família: 43% o utilizam com frequência ou de tempos em tempos. Apenas 31% nunca o usam.
  • Luzes de leitura, ou ebook, também são um grande sucesso: 67% o usam com frequência ou ocasionalmente.

Digital, um trunfo para o futuro?

  • Longe de estar preocupado76% dos pais dizem que é bom que seus filhos se familiarizem com essas novas ferramentas digitais mais cedo e 50% os considerem um trunfo para o futuro, porque isso lhes dá acesso a informações que não teve outras gerações.
  • Logicamente, 38% deles até compraram um aplicativo para o filho, principalmente um jogo (84%), em vez de um aplicativo educacional (46%).

Comprimidos digitais na escola?

  • Os pais Eles acham desejável desenvolver o aprendizado de tablets digitais dentro da escola, substituindo os livros didáticos usados ​​hoje? Sim, eles respondem 53%!

Stéphanie Letellier

Compartilhe sua experiência e perguntas sobre nosso Fórum de Lazer.